COMO FOI QUE O CINEMA ENTROU EM MINHA VIDA






No bairro onde eu morava tinha um cinema : Cine Santa Teresa. Foi onde conheci Maria Félix , Ninon Sevilla , Libertad Lamarque , Maria Antonieta Ponz , em filmes que tratavam de temas fortes. Detalhe: minha mãe me levava ao cinema desde os meus cinco anos.
Depois comecei a frequentar o Cine Art-Palace , especializado em filmes europeus. Foi uma festa ver Marina Vlady , Mylene Demongeot , Alida Valli , Antonella Lualdi , Rosana Schiaffino.
E então vieram os Épicos : Hércules , Maciste , Jasão , Teseu , Ursus , Rômulo e Remo . Porém Rosana Podesta e Jacques Sernas (Helena e Páris) em Helena de Tróia se tornaram simbolos da interminável magia que o Cinema é capaz de nos oferecer...



Daí este Blog.































sexta-feira, 30 de abril de 2010

SEBASTIANE , de Derek Jarman

A polêmica história do mártir Sebastião , na visão personalissima de Derek
Jarman , com elenco totalmente masculino encabeçado por Leonardo Treviglio.
Durante o reinado do Imperador Diocleciano , o soldado Sebastião torna-se
alvo de criticas e perseguição por não esconder seu carater humanitário ,
inclusive em relação aos cristãos.
Além do carater em desacordo com os principios pagãos da época ,
Sebastião desperta o desejo em alguns companheiros que , não correspon-
didos , passam a incitar contra ele os demais soldados e oficiais.
Um filme elaborado para salas de Arte , direcionado às platéias que já
tiveram oportunidade de apreciar outras obras de Derek Jarman :
"Edward II" , " Caravaggio" , "Blue".
Preço: R$ 20,00 (com capa plástica e 3 posters).

quarta-feira, 28 de abril de 2010

JOE DALLESANDRO , PAIXÃO SELVAGEM

Serge Gaisnbourg e a mulher Jane Birkin escandalizaram os Anos 70 com a canção-orgasmo
"Je T'Aime Moi Non Plus" , que Brigitte Bardot e Alain Delon também gravaram.
Não satisfeito ,Gaisnbourg criou o filme em principio estrelado por Jane Birkin ,mas quem o tornou Gay Cult foi Joe Dallesandro ao estabelecer o comportamento másculo numa relação homossexual , enquanto Morte em Veneza abordava uma certa pedofilia não consumada e Myra Breckenridge brincava com a mudança de sexo explorando as curvas de Rachel Welch.
Aqui o filme levou o titulo de Paixão Selvagem e Joezinho até atuou , ele que frequentara as festas de Andy Warhol e tornara-se protegido de alguns artistas com pretensões a Cineastas.
No filme Flesh de Paul Morrissey , Joe atua nu quase que o tempo todo , no papel de garoto de programa.
O roteiro é simples: Dalessandro vê Birkin de costas e a confunde com um rapaz , devido ao corte do cabelo e à calça jeans. Tenta transar e não consegue. Ela entende a situação , vira de costas e diz: Eu sou um rapaz... E dai em diante vão perambulando por hotéis - ela grita muito - até consumar a relação na carroceria do caminhão dele , ao som de Je T'Aime Moi Non Plus...
No final , Joe volta para os braços do namorado.
Im-per-di-vel...

terça-feira, 27 de abril de 2010

Laurence Harvey ,Pelos Bairros do Vicio (Walk On The Wild Side)

Elenco de primeira , encabeçado por Laurence Harvey. O toque chique fica por conta de Capucine , sempre esnobe , mesmo no papel de prostituta.
Jane Fonda , Barbara Stanwyck e Anne Baxter seguram com garra a velha história do rapaz que retorna à cidade natal e descobre que sua ex-namorada não é mais "aquela".
Pode-se perceber em Laurence Harvey o perfil do grande ator
que dará suporte a três estrelas premiadas com o Oscar :
a francesa Simone Signoret (Almas em Leilão) , Julie Christie
(Darling , a Que Amou Demais) e Elizabeth Taylor (Disque
Butterfield 8), além da brilhante atuação em "Sob o Dominio do
Medo" (ao lado de Frank Sinatra e Janeth Leigh) que mereceria
refilmagem com Denzel Washington e Meryl Streep.
Barbara Stanwyck , atriz de 100 filmes , sempre segura.
Jane Fonda ainda meio selvagem , longe dos dois Oscar por
"Klute, o Passado Condena" e "Amargo Regresso".
Anne Baxter - que já havia infernizado a vida de Bette Davis em
"A Malvada" - comporta-se dignamente no papel de uma mulher
bondosa demais.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

" Anônimo Veneziano" , Florinda Bolkan

A cearense de Uruburetama deixou no Brasil o nome Bulcão para tornar-se Bolkan , estrela
do Cinema Italiano.
Protagonista de Anônimo Veneziano, Florinda
fez mais de 50 filmes , com destaque para Os Deuses Malditos , dirigida por Luchino Visconti.
Os criticos classificaram Flávia , a Freira Muçulmana como um dos piores filmes de todos os tempos , mas a beleza de Florinda Bolkan redimiu esse pastelão épico de todos os seus pecados.
As festas na casa da Barra da Tijuca , erguida com materiais de demolição , levaram Tout-Rio ao delirio , sempre com presença da Condessa Marina Cicogna e do playboy Lorenzo Ripoli , figuras carimbadas do séquito de Florinda Bolkan.
Hoje em dia , ela cria cavalos - perto de Roma - e mora com
sua companheira , sem circular muito no Jet Set.
Sintomático: "sempre chega a hora de arrumar o armário".

Quem sou eu

Minha foto
Petropolis, Rio de Janeiro, Brazil
Jorge Domingos , Analista de Comércio Exterior ,louco por Cinema desde os 04 anos de idade.