COMO FOI QUE O CINEMA ENTROU EM MINHA VIDA






No bairro onde eu morava tinha um cinema : Cine Santa Teresa. Foi onde conheci Maria Félix , Ninon Sevilla , Libertad Lamarque , Maria Antonieta Ponz , em filmes que tratavam de temas fortes. Detalhe: minha mãe me levava ao cinema desde os meus cinco anos.
Depois comecei a frequentar o Cine Art-Palace , especializado em filmes europeus. Foi uma festa ver Marina Vlady , Mylene Demongeot , Alida Valli , Antonella Lualdi , Rosana Schiaffino.
E então vieram os Épicos : Hércules , Maciste , Jasão , Teseu , Ursus , Rômulo e Remo . Porém Rosana Podesta e Jacques Sernas (Helena e Páris) em Helena de Tróia se tornaram simbolos da interminável magia que o Cinema é capaz de nos oferecer...



Daí este Blog.































quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

BONECO DE CARNE


 
Quando eu te conheci, do amor desiludido,
fiz tudo e consegui dar vida
à tua vida... (Boneca Cobiçada, bolero)...
teu corpo não tem dono, teus lábios têm veneno.



Você mentiu
quando jurava pra mim fidelidade,
fui apenas seu escravo na maldade,
você quís, lutou e conseguiu...
(De Igual Para Igual. Gravações: Roberta Miranda
e  José Augusto)
 

Porteiro, suba e diga àquele ingrato
que aqui o espero, não sairei
até lhe haver lançado em pleno rosto
o meu desgosto e a vergonha que passei...
(Porteiro, Suba e Diga- Tango. Gravação:
João Dias)
 
Guardo o lencinho branco
que esqueceste ao me abandonar
manchado assim pelo carmim
que tirei dos meus lábios
quando te beijei...
(Lencinho Branco, versão do tango
El Panuelito. Gravações; Dalva de Oliveira
e Cauby Peixoto).
Obs: no caso, pode ser trocado por Cueca Branca...
 
Nos casos acima, as canções citadas foram sucessos da chamada era dor de corno,a saber:
1) Boneca Cobiçada : bolero de Bolinha (Euclides Pereira Rangel) e
Biá ( Sebastião Alves da Cunha) ;
2) De Igual Para Igual - Autores:  Roberta Miranda e Matogrosso ;
3) Porteiro Suba e Diga - Tango. Autores Eduardo de Labar e
Luis C. Amadori. Versão de Guiaroni.
4) Lencinho Branco (El Panuelito)- Tango. Autores :
Juan de Diós Filiberto e Gabino Coria Peñaloza.
Versão: Wagner Mangeri Neto.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Petropolis, Rio de Janeiro, Brazil
Jorge Domingos , Analista de Comércio Exterior ,louco por Cinema desde os 04 anos de idade.